formas de uso

do TikTok que fazem sentido para veículos jornalísticos

Aqui, você vai encontrar alguns caminhos para a utilização do TikTok por veículos jornalísticos. Essas divisões foram feitas a partir do consumo de centenas de vídeos de contas de jornais que já estão na rede. A ideia é que elas sirvam não apenas para identificar conteúdos que já existem, mas, também, para mostrar possíveis caminhos de aproveitamento da plataforma para novas publicações jornalísticas.

 

As formas de uso estão agrupadas em 4 áreas gerais: extensão de outros conteúdos do jornal; criação de conteúdos direcionados; construção de marca; e educação midiática. 

 

Diferentes jornais terão diferentes objetivos no TikTok, o que se reflete diretamente no formato e no conteúdo dos vídeos que serão produzidos. Mas é importante que esses objetivos estejam claros para a equipe jornalística. Se não estiverem, o resultado pode ser a criação de conteúdos que não fazem sentido com os valores do jornal — ou seja, são desperdício do tempo do jornalista e dos recursos investidos pela instituição.

Stack of Newspapers

1. EXTENSÃO

DE CONTEÚDOS

DO JORNAL

Quando o conteúdo faz referência a outras produções do jornal — seja as adaptando para a linguagem do TikTok, ou chamando o público para ver o produto completo

Desenhando digital

2. Criação de conteúdos direcionados

Produção de novos conteúdos especificamente para o TikTok, feitos a partir da gramática da rede

journaling

3. construção

de marca

São conteúdos que não tem a função de informar, e sim de inserir e moldar a imagem do jornal no imaginário do público

Mulher no celular

4. EDUCAÇÃO MIDIÁTICA

Vídeos que promovem o combate a fake news ou que contam sobre o fazer jornalístico dos repórteres